quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Mãos mal lavadas: o paraíso dos Microrganismos

Técnica para lavagem das mãos: Lavar as mãos corretamente pode evitar muitas doenças que são transmitidas por contato com micorganismos alojados na nossa pele.

A correta e constante lavagem das mãos evita a proliferação de microorganismos
by Telma M. 
Por que é necessário lavar bem as mãos? Qual a técnica de lavagem de mãos

A pele é um revestimento do corpo com várias funções importantes. Serve para protegê-lo contra agentes externos, contra a perda de água, dá proteção imunológica, regula a temperatura, permite a percepção do meio ambiente e tem função de secreção.

A superfície da pele, principalmente as palmas das mãos e pés, apresenta sulcos e saliências onde se escondem microrganismos que só saem se nós esfregarmos com água e sabão. Alguns nem assim são eliminados, então é preciso álcool ou outros produtos de higiene.
Há dois tipos de microrganismos que vivem normalmente em nossa pele: a população residente e a população transitória.

População residente são os microrganismos que vivem e se multiplicam na pele. São bactérias de difícil remoção, é preciso mais do que escovação para retirá-las, é preciso anti-sépticos. Vivem em torno e embaixo das unhas das mãos. Raramente causam infecções, mas podem ser prejudiciais para pessoas com baixa imunidade.

População transitória são microrganismos passageiros, mais fáceis de serem removidos, mas freqüentemente são responsáveis por infecções hospitalares e outras doenças transmissíveis por contato direto.
Em condições normais essas bactérias não causam infecções porque a pele protege o organismo, mas se houver uma lesão (mesmo pequena) ou se a pessoa estiver com a imunidade reduzida, pode ocorrer uma infecção.

Mas o fato é que temos ouvido tantas más notícias sobre doenças transmitidas por contato, que somos levados a pensar que voltamos no tempo e estamos na Idade Média em plena era das trevas, quando as pessoas morriam por doenças resultantes da falta de higiene.
Pode ser difícil de acreditar, mas lavar muito bem as mãos pode salvar vidas, uma vez que muitos dos microrganismos de população transitória não resistem à simples mistura de água com sabão e uma boa esfregada.

Para colaborar com a manutenção da saúde da população, resolvi mostrar uma técnica simples de como lavar as mãos.
A técnica apresentada a seguir deveria ser um hábito tanto para profissionais de saúde quanto para leigos, pois não exige grandes esforços nem equipamentos complexos.
Esquema das áreas das mãos para ilustrar o modo de lavagem.
Fig-1

A imagem acima mostra esquematicamente a mão dividida em áreas  para ilustrar o  modo que normalmente procedemos quando lavamos as mãos.
As áreas em cinza são lembradas com muita frequência, portanto ficam mais limpas do que o restante, as áreas em branco são “mais ou menos” lembradas e as áreas em preto são sempre as mais esquecidas, portanto as áreas em branco e as áreas em preto são as partes às quais devemos dedicar maior atenção.

Técnica básica para lavar corretamente as mãos (tempo aproximado – 15 segundos)

Objetivo – Remover bactérias transitórias, células descamativas da pele, pêlos, suor, oleosidade e sujeira.

1 - Após posicionar-se  em frente à pia e abrir a torneira, ensaboe as mãos (use sabão líquido, de preferência, pois é mais higiênico),
2 - Friccione-as, por aproximadamente 15 segundos (em todas as suas faces, espaços entre os dedos, articulações, unhas e extremidades dos dedos, conforme a figura 2),
3 - Enxágüe as mãos, retirando totalmente a espuma e resíduos de sabão e feche a torneira,
4 - Enxugue as mãos com toalha limpa e seca.

OBS: Se estiver em local público use papel-toalha para secar as mãos e só depois feche a torneira, usando o mesmo papel-toalha usado para secar as mãos. Em tempos de economia de água, é difícil pensar em deixar a torneira aberta durante 15 segundos enquanto se esfrega as mãos, mas o jeito certo de fazer isso em local público é esse, pois é um lugar onde todo mundo põe as mãos. Mas hoje normalmente as torneiras de locais públicos são automáticas e se fecham sozinhas.
Técnica para lavagem das mãos.
Fig-2

LEMBRETES:
Sempre que chegar em casa, vindo de ambientes externos, é bom lavar muito bem as mãos, principalmente se você usou transportes coletivos ou cumprimentou estranhos.
Após usar o banheiro, (principalmente banheiros públicos) lave SEMPRE as mãos conforme as técnicas acima.
Antes de apertar a descarga abaixe a tampa da bacia para reduzir o espalhamento de microrganismos dentro do ambiente (uma descarga tem o poder de provocar elevação de microrganismos até 8 metros de altura).

Em banheiros públicos, aproveite a toalha de papel em que enxugou as mãos para apertar a descarga, assim sua mão não terá contato com a válvula da descarga.
Bibliografia: apostila do Programa de Infecção Hospitalar do Ministério da Saúde.



Artigos Recomendados: 

Um comentário:

  1. Lá no meu trabalho devemos sempre manter as mãos higienizadas, e a parte que (uma vez mostrada com tinta) é justamente essas partes pretas, que geralmente a pessoa esquece....
    Grande postagem informativa !!!!!!
    Grande abraço !!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...