quinta-feira, 4 de julho de 2013

Substituindo o Feijão por outras leguminosas, também, nutritivas.

Se o feijão está caro, não se preocupe. Há alternativas para substituí-lo, na nossa alimentação, por outras leguminosas igualmente nutritivas. Lentilha, vagem, soja, ervilha e grão-de-bico fazem o mesmo efeito benéfico ao nosso organismo.

É possível substituir o feijão por outras leguminosas nutritivas.
by Roberto M.
Prato típico do brasileiro, o feijão está presente nas mais diferentes receitas. Temos a feijoada, o baião-de-dois, cassoulet e sopas, além do tradicional arroz com feijão, bife e salada.
Tanto nos pratos mais elaborados como no simples acompanhamento do arroz, o feijão é muito importante para a alimentação e, consequentemente, para a saúde, pois é uma fonte muito importante de proteínas, ferro e fibras.

O consumo do feijão traz benefícios para o organismo, tais como: a diminuição do risco de doenças cardiovasculares, obesidade, diabetes e colesterol. Em razão da presença do ferro, o consumo da leguminosa ainda pode ajudar na prevenção e tratamento da anemia.
Entretanto, há épocas em que o feijão se torna muito caro, ficando quase inviável o seu consumo.

Por isso, é importante saber, que é possível substituir o feijão por outros alimentos nutritivos.
Nesses períodos, em que o preço do feijão fica muito alto, as pessoas que gostam (e precisam) de comer feijão, mas, não conseguem compra-lo, podem substituí-lo por outras leguminosas tão nutritivas quanto ele.
Lentilha, vagem, ervilha, soja e grão-de-bico são opções para variar o cardápio sem perder nutrientes como proteínas, ferro, cálcio, magnésio, zinco, vitaminas (principalmente do complexo B), carboidratos e fibras.

Além de tudo isso, as leguminosas têm antioxidantes, que previnem diversas doenças como o câncer e retardam o envelhecimento.
Essas leguminosas podem ser preparadas de forma semelhante ao feijão e consumidas de maneira análoga. É importante que se consuma pelo menos uma concha por dia.
É lógico que não se pode come-las pensando que é feijão, porque são diferentes no gosto e na consistência, mas nutritivamente é a mesma coisa.

Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...