quarta-feira, 26 de outubro de 2016

As complicações do diabetes. O que acontece se não houver tratamento adequado

As complicações do diabetes são problemas decorrentes da falta de tratamento adequado da doença. Tais complicações podem ser evitadas se o diabetes estiver adequadamente controlado. Conheça algumas das terríveis complicações do diabetes.

Banner fazendo a chamada para as Complicações do Diabetes quando não há o tratamento adequado da doença.
by Roberto M.
A falta de tratamento adequado para o diabetes, pode levar a inúmeros e diferentes problemas de saúde.
Altos níveis de glicose podem danificar os vasos sanguíneos, nervos e órgãos.
Até mesmo níveis moderadamente elevados de glicose no sangue, que não provocam quaisquer sintomas, podem ter efeitos nocivos no longo prazo.
Vamos ver abaixo, algumas das complicações que podem aparecer devido à falta de tratamento adequado da doença.

Doença cardíaca e Derrame

Uma pessoa com diabetes, tem até cinco vezes mais chances de desenvolver doença cardíaca coronariana ou ter um acidente vascular cerebral.
Prolongados períodos de níveis de glicose no sangue mal controlados aumentam a probabilidade de desenvolvimento da aterosclerose (redução, estreitamento e, até, obstrução dos vasos sanguíneos).

Isso pode resultar em um suprimento de sangue deficiente para o coração, causando angina (uma dor incômoda, pesada ou apertada no peito).
Também aumenta a chance de que um vaso sanguíneo do coração ou cérebro fique completamente obstruído, levando a um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.


Danos nos Nervos

Níveis elevados de glicose no sangue podem danificar os minúsculos vasos sanguíneos existentes nos nervos.
Os danos no sistema nervoso periférico (o sistema nervoso fora do cérebro e medula espinhal) são conhecidos como neuropatia periférica.
Se os nervos do sistema digestivo forem afetados, poderão existir náuseas, vômitos, diarreia ou prisão de ventre.


Retinopatia Diabética

A retinopatia diabética se instala quando a retina (camada de tecido sensível à luz na parte de trás do olho) começa a ficar danificada devido ao diabetes.
A retina precisa de um fornecimento constante de sangue, sangue esse recebido através de uma rede de minúsculos vasos sanguíneos. Ao longo do tempo, um nível de açúcar persistentemente elevado no sangue pode danificar esses vasos sanguíneos e afetar a  visão. É recomendável a execução de exames oculares, no oftalmologista, anualmente.

Quanto melhor for controlado o nível de glicose no sangue, menor será o risco de desenvolvimento de problemas oculares graves.
A retinopatia diabética pode ser gerenciada usando-se tratamentos a laser se for detectada a tempo. No entanto, isto só irá preservar a visão existente mas, não irá melhorá-la.


Doença Renal

Se os pequenos vasos sanguíneos do rim ficarem danificados ou bloqueados, os rins irão funcionar com menor eficiência. Isso, geralmente, está associado com pressão arterial elevada, e tratar da pressão alta é uma parte essencial do tratamento.
Em raros casos graves, o diabetes pode levar à insuficiência renal, que pode significar a necessidade de tratamento com diálise ou até mesmo de um transplante renal.


Problemas nos Pés

Danos aos nervos dos pés podem significar pequenos cortes ou rachos que não são notados e que, em combinação com má circulação, podem levar ao aparecimento de úlceras nos pés. Cerca de 1 em cada 10 pessoas com diabetes sofrem com ulcerações nos pés, o que pode culminar em uma infecção grave.

Quem tem diabetes deve prestar muita atenção com: feridas e cortes que não cicatrizam, inchaço ou inflamação e pele que se sente quente ao toque. Recomenda-se exame médico especializado pelo menos uma vez ao ano.
Se a má circulação ou dano do nervo for detectado, o paciente deverá verificar os pés todos os dias e relatar quaisquer alterações ao médico.


Disfunção Sexual

Em homens com diabetes, especialmente aqueles que fumam, danos nos nervos e vasos sanguíneos podem levar a problemas de ereção. Isto, geralmente, pode ser tratado com medicação.

Mulheres com diabetes podem experimentar:
- uma diminuição ou perda da libido
- redução do prazer do sexo
- secura vaginal
- redução da capacidade de orgasmo
- dor durante o sexo


Aborto e Natimorto

As mulheres grávidas com diabetes têm um risco aumentado de aborto e natimorto.
Se o nível de açúcar no sangue não for cuidadosamente controlado imediatamente antes e durante o início da gravidez, há também um aumento do risco de o bebê desenvolver graves defeitos no nascimento.

As mulheres grávidas com diabetes devem fazer exames pré-natais, de preferência com um médico especialista em cuidados na gravidez (obstetra).
Isso permitirá um olhar atento sobre os níveis de glicose no sangue e um controle rigoroso e adequado da dose de insulina, bem como o acompanhamento do crescimento e desenvolvimento do bebê.


Cetoacidose Diabética

A falta de insulina, ou mesmo o mau aproveitamento dela, prejudica a obtenção da energia necessária para o funcionamento do organismo, pois não queima convenientemente a glicose existente no sangue. Desse modo, as células começam a queimar gordura e esse processo acaba liberando ácido em grande quantidade no corpo.
Esse excesso de ácido desencadeia a chamada cetoacidose diabética que é uma das complicações do diabetes.

Os sintomas da cetoacidose são:
- presença de cetonas na urina
- hálito com odor frutado ou de acetona
- boca e pele seca
- vontade constante de urinar
- confusão mental
- dor abdominal
- náuseas e vômitos
- dificuldade para respirar.

A cetoacidose diabética pode levar ao coma e, potencialmente, à morte. Por isso, essa complicação deve ser encarada com muito cuidado, seu tratamento deve ser feito em hospital, incluindo a administração de insulina.
Gripes, febres, resfriados e quadros como o da sinusite podem favorecer o aparecimento da cetoacidose. Pacientes diabéticos nessas situações devem medir temperatura, glicemia e níveis de cetona a cada quatro horas. Não se deve deixar de aplicar a insulina e nem de se alimentar. O acompanhamento médico é essencial.


Artigos Recomendados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...