quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Como proceder com idosos acamados e com escaras

Alguns procedimentos que os leigos (cuidadores de idosos e/ou acamados) podem fazer para melhorar a situação das escaras existentes e evitar a formação de outras.

Escaras no calcanhar de um paciente idoso.by Roberto M. 
Meu pai com 83 anos de idade tem seqüelas de um AVC e diverticulite hemorrágica. Não bastasse isso, noutro dia, depois de uma queda, sofreu uma fratura de fêmur. Ficou internado sete dias no hospital, foi submetido a uma cirurgia e voltou para casa com escaras. Os médicos (todo poderosos) deram alta do hospital, não autorizaram “home care” e os leigos que se virem para cuidar de um paciente idoso, com seqüelas de AVC, recém operado do fêmur, sem movimentação e com escaras. E agora? O que fazer?


Qual a melhor técnica para tratar destas feridas, sendo que ele já nem consegue se virar na cama? O que são exatamente escaras? O que um leigo pode fazer para diminuir o sofrimento do paciente nesses casos?
 
As escaras, ou úlceras de pressão, geralmente se formam em regiões de proeminências ósseas que ficam longos períodos na mesma posição e em contato com alguma superfície (a cama ou a cadeira de rodas, por exemplo). Devido a isso, o aporte de sangue para essas áreas é severamente diminuído produzindo então uma isquemia (falta de suprimento sanguíneo para um tecido orgânico)
Alguns procedimentos são necessários para melhorar a situação das escaras existentes e até evitar que outras se formem:

   1) Mudar a posição do paciente de dois em 2 horas. Por exemplo: de deitado de barriga para cima para deitado do lado esquerdo, voltar com a barriga para cima novamente, deitar do lado direito, levantar a cabeceira da cama e abaixar novamente, deixar o paciente sentado, deitar novamente (se a cama for hospitalar, isso não é muito difícil).

    2) Esse processo deve ser feito contínua e sucessivamente, pois assim o peso será distribuído por vários pontos e não apenas em um. Sempre que possível, as áreas já com lesão devem ficar livres (utilizar travesseiros e almofadas para melhor acomodar as pernas e os braços).

   3) Dê preferência ao colchão tipo caixa de ovo. O colchão d’água dificulta a mobilidade do paciente.

    4) Deixar sempre os lençóis bem esticados. As dobras podem propiciar a formação de novas escaras.

    5) As áreas com lesão devem ser sempre bem ventiladas. Evitar o uso demasiado de cobertas. Proteger essas áreas somente com o curativo e com roupas leves.

    6) As feridas devem ser limpas com soro fisiológico ou água corrente (no banho), com movimentos suaves e circulares, de dentro para fora, com gaze ou pano esterilizado, retirando todo o tecido morto.

    7) Os curativos com tecidos esterilizados são preferíveis à gaze, pois o trançado da gaze pode machucar um pouco e retardar a cicatrização. Uma dica interessante é pegar um lençol fino e velho, cortar no formato de uma gaze, esterilizar com água fervente e usar como curativo depois de seco.

    8) Trocar o curativo tantas vezes quanto necessário, para que tanto a ferida quanto o curativo estejam sempre secos.

    9) Nos curativos, pode-se usar algumas pomadas que ativem a cicatrização.

   10) A pele ao redor das escaras deve ser mantida sempre limpa e hidratada com óleos ou cremes.

   11) Um paciente bem alimentado, bem nutrido e bem hidratado tem uma cicatrização mais rápida e melhor.

   12) Observar sempre o aspecto da escara. Se a ferida ficar escura demais, se o odor piorar ou se houver secreções excessivas, chamar um médico. Talvez haja a necessidade de uma intervenção cirúrgica no local.
Bibliografia:  Health Care Protocol : Pressure Ulcer Prevention and Treatment Protocol. Second Edition. April 2010. - INSTITUTE FOR CLINICAL SYSTEMS IMPROVEMENT

10 comentários:

  1. Muito interessante esse post, cuidei de minha vó por 2 meses e sempre me preocupava com esses detalhes.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Olá.
    Achei interessante sua matéria, e vim aqui compartilhar algo que será de interesse para quem cuida de alguém que tem escaras. Como cuidar das escaras: comprar magnetos de tamanho médio, colocá-los sobre uma gaze intercalados, como num jogo de xadres, face norte x face sul. Colar tudo com esparadrapos e deixar sobre as feridas por dias. Cicatriza tudo. Outra opção é comprar colchão ou manta magnética.
    Quem não entendeu eu posso explicar melhor, é só me mandar email pedindo melhores esclarecimentos: thamirisstefani@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá!! Muito legal este artigo! Sou enfermeira e posso dizer que estão bem descritos os cuidados! Sugiro apenas acrescentar que passar óleo de girassol em toda a pele após o banho do paciente ajuda a prevenir úlcera por pressão pois tal óleo tem propriedades cicatrizantes e também ajuda a manter a umidade natural da pele (que deve vir de uma ingesta de líquidos regular)! Boa sorte nos cuidados com seu idoso!

    ResponderExcluir
  4. Gostei do Post! Já pensou em divulgar também no www.plik.com.br ?

    ResponderExcluir
  5. preciso resolver problemas de gases da minha mae acamada. A barriga incha e ela sente colicas. o que eu faço?

    ResponderExcluir
  6. Sr. Anônimo
    • A formação de gases causa muito desconforto às pessoas acamadas. Para
    evitar a formação de gases é importante oferecer à pessoa mais líquidos e uma
    alimentação saudável, evitando alguns alimentos, como: agrião, couve, repolho,
    brócolis, pepino, grãos de feijão, couve-flor, cebola e alho crus, pimentão, nabo,
    rabanete, bebidas gasosas, doces concentrados e queijos amarelos.
    • Os exercícios auxiliam na eliminação dos gases.

    ResponderExcluir
  7. Então Roberto, depois de algum tempo volto aqui para pedir socorro pelo mesmo problema: gases e barriga inchada. Minha mae já tem forças para evacuar sozinha, preciso ajud´-l com photo enema ou chas laxante, mas sei que isso causa muitas colicas já não sei mais como lidar com a situação. Os medicamentos Lactulivi ou Neo Dimeticon, pra ela não serve mais. Socorro!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. meu avô tem escaras, mas no meu ponto de vista esta muito feio as feridas, ele tem alzheimer e ja nao se mexe mais só fica na cama.
    como posso cura-las? pois sou eu que faço os curativos.
    peço ajuda!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Sobre escaras... muito interressante este post,a dúvida que tenho é a respeito da esterilização do tecido algodão (lençol) de resto não me agrada o uso de gaze,guanto ao óleo de girasol aliado a massagens é ótimo grato

    ResponderExcluir
  10. parabens pelos comentarios com certesza me esclareceu minhas duvidas

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...