quinta-feira, 24 de março de 2011

Coisas que é bom saber sobre Câncer de Pele.

by Roberto M.
Quais as causas do aparecimento de um câncer de pele? Como perceber que um câncer de pele está se desenvolvendo? Quais os sintomas? Existe tratamento?
A exposição excessiva e frequente à radiação ultravioleta dos raios solares é o fator principal do desenvolvimento do câncer de pele.
Alguns outros fatores de risco também contribuem para aumentar a chance do aparecimento dessa doença, tais como: hereditariedade, peles claras, peles com grande quantidade de sardas ou pintas.

Vale lembrar que os efeitos nocivos das radiações solares são cumulativos, e por isso, grande parte dos problemas de pele aparecem após os 40 anos de idade.
O câncer de pele, segundo estudos do Ministério da Saúde, corresponde a 25% de todos os tumores malignos registrados no país.

Esses números são alarmantes e por isso toda a atenção é necessária.
Uma visita ao dermatologista rotineiramente é primordial.
O médico faz uma inspeção visual e procura por lesões nas áreas com maior exposição ao sol e também nas regiões de difícil visualização pelo paciente (costas e couro cabeludo, por exemplo). Esse exame a olho nu é muito eficaz, pois o câncer de pele geralmente se desenvolve na camada externa da pele.

Os sinais mais comuns que, eventualmente, podem indicar o início de um câncer de pele, e que por isso merecem cuidado especial são:
- lesões na pele ou mucosa que não cicatrizam;
- manchas ou pintas (inclusive as de nascença) que mudam de cor, tamanho ou espessura;
- manchas ou pintas que apresentam coceira, dor ou sangramento;
- lesões de pele que crescem e não somem;
- verrugas que aumentam de tamanho, cocem, doam ou sangrem frequentemente;
- pintas escuras que se tornam mais pretas, que tenham bordas irregulares e elevadas e sangram com facilidade.

Há vários tipos de câncer de pele:
- O carcinoma basocelular, que é o menos agressivo e corresponde a 70% dos diagnósticos;
- O carcinoma epidermoide que corresponde a 25% dos casos e tem uma agressividade mediana;
- O melanoma, o mais agressivo de todos, podendo até levar à morte, que é diagnosticado em 4% dos pacientes.

O tratamento de um câncer de pele vai depender do tipo e da localização. Alguns métodos são:
- tratamento cirúrgico, onde a lesão pode ser removida totalmente;
- tratamento criocirúrgico, onde as lesões são retiradas após o resfriamento com nitrogênio líquido;
- eletrocirurgia ou curetagem, onde o tumor é removido através de corrente elétrica de alta frequência;
- radioterapia, utilizada em áreas onde o tratamento cirúrgico é difícil (pálpebra, nariz, orelhas) e também em pacientes sem condições de clínicas de se submeterem a uma cirurgia;
- quimioterapia, que é aplicada na corrente sanguínea do local da lesão.

Alguns procedimentos que podem prevenir e diminuir muito o risco de se adquirir um câncer de pele:
- Evitar exposição ao sol entre 10 e 16 horas;
- Usar protetor solar com fator de proteção 15 ou maior (inclusive nos dias nublados);
- Usar corretamente o protetor solar (veja o artigo)
- Se trabalhar ao sol, usar calça, camisa de manga comprida, chapéu de aba larga, óculos escuros, cobrir o pescoço, proteger as mãos.

Preste bastante atenção a todos os sinais que possam indicar um eventual início de câncer de pele, pois por ser visível, ele pode ser diagnosticado e tratado em fase precoce, o que torna a cura possível na maioria dos casos.

Artigos Recomendados:

2 comentários:

  1. Olá Roberto,

    Mais uma postagem maravilhosa e importantíssima, ainda mais em um País onde é hábito tomar sol desde cedo!
    Eu mesma sempre me expús ao pior sol e hoje em dia me arrependo, adquiri muitas sardas, inclusive sardas brancas , mas felizmente tomei consciência do mal que isso causa e hoje só saio de casa com um bom protetor.
    Estas informações postadas são muito relevantes e devem ser levadas a sério.
    Obrigada por compartilhar conosco e alertar a todos sobre os perigos desta doença e também esclarecer sobre as formas de prevenção e tratamento.
    Um abraço e bom fim de semana !

    ResponderExcluir
  2. Olá querida, um grande abraço e parabéns pela postagem, achei muito interessante tais informações, às vezes nos descuidamos...
    aquela velha desdita:

    " O brasileiro só fecha a porta despois de roubado".

    Sabemos que há muitas informações sobre o assunto, mas insistimos em não tomarmos as medidas cabíveis e pertinentes para evitarmos mais tarde problemas e dores de cabeça em uma proporção maior; toda informação é necessário e todo cuidado é pouco, pois temos uma vida a preservar, mais uma vez agradeço pelo carinho e envio, qualquer coisa estamos as ordens. Fica na paz do Senhor Jesus e tenha um excelente final de semana, um beijão no fundo do coração e até mais.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...